CSL - EXPOSICOES.png
logo-valber.png
EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-51.jpg

Natural de Itapipoca-CE, Valber Benevides é o artista responsável pelo histórico painel do Cais Bar, obra que retrata nomes conhecidos da música brasileira como Elis Regina, Fagner e Belchior. Contudo, para além de suas tão conhecidas caricaturas, buscamos com esta exposição montar um panorama das várias facetas desse multiartista cearense. 

 

Falar de Valber não é tarefa fácil. Seria necessário muito tempo para falar sobre sua carreira e suas tantas histórias no mundo da arte, ainda mais tratando-se de Valber. Pintor, escultor, chargista, ilustrador, animador, quadrinista, animador… são apenas algumas das várias alcunhas que esse artista sem fronteiras foi acumulando em seu percurso.

 

Valber é um artista inquieto, com suas várias técnicas, temáticas e olhares, porém, podemos dizer que a cor e a expressividade seguem seu traço desde os primeiros rabiscos. Na época de escola Valber não tinha nome, era chamado apenas de desenhista, divertia-se desenhando os amigos e na hora do recreio trocava as revistinhas que fazia por um picolé.

 

Quando "faltava luz" em Fortaleza, o desenhista ia caçar vagalumes e com um vidro cheio deles iluminava as ruas escuras como um farol luminoso. Depois que os bichinhos desfaleciam, a massa luminosa dos insetos servia de material para ser riscado nas calçadas. Seus desenhos, por alguns instantes, ficavam iluminando o piso da rua como um grafismo de neon. 

Podemos dizer que atualmente Valber consolidou seu nome no mundo das artes visuais, através de seus traços marcantes,cores vibrantes, e formas que facilmente são reconhecidas pelos admiradores de arte. Hoje o desenhista continua iluminando, com seus grandes painéis, esculturas e pinturas, mundo afora.

Mairla Costa, curadora da exposição

VALBER E OS PAINÉIS

Valber é autor do famoso “Painel do Cais Bar” que reúne caricaturas de grandes nomes da MPB. Vale ressaltar que não existe apenas um painel, com o tempo Valber foi criando outros painéis. Outro fato interessante é que os artistas do painel escapavam à noite para dar um "mergulho" à luz do luar. Nessa hora, Valber aproveitava para substituir por outros músicos, aqueles que saíram da tela para tomar banho. Esta obra foi muito apreciada na época dos anos 90 e muitos frequentadores do bar, local onde sempre ficou o trabalho, gostavam de ficar advinhando os caricaturados. No total foram criados 14 painéis, onde reúne também músicos internacionais e personalidades mundiais.

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-9.jpg

Òleo  s/ tela, 1,1m x 3m
Acervo Valber Benevides

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-67.jpg

Aquarela  s/ papel, 1,2m x 1,4m
Acervo Valber Benevides

VALBER E AS CARICATURAS

As caricaturas se tornaram algo forte em sua trajetória, consolidando seu nome como um dos maiores caricaturistas do país - rendendo-lhe alguns prêmios. Foi ilustrador e chargista do jornal O Povo durante anos. Nos anos 80, Valber participou de uma exposição individual de caricaturas  muito importante para sua carreira, intitulada: “O Traço da Gente”.

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA.jpg

ROBERTO CARLOS
Óleo s/ tela, 1,1m x 0,92m
Acervo Valber Benevides

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-4.jpg

TOM JOBIM
Óleo s/ tela, 1,1m x 1,1m
Acervo Valber Benevides

NOEL ROSA
Aquarela, 30cm x 42cm
Acervo Valber Benevides

PIXINGUINHA
Óleo s/ tela, 1,0m x 0.9m
Acervo Valber Benevides

ELIS REGINA
Óleo s/ tela, 1,0m x 0.9m
Acervo Valber Benevides

GAL COSTA
Óleo s/ tela, 1,1m x 0.9m
Acervo Valber Benevides

FRIDA
Pastel Oleoso, 1,0m x 0.8m
Acervo Valber Benevides

RONALDINHO GAUCHO
Óleo s/ tela, 29cm x 41cm
Acervo Valber Benevides

ARIANO SUASSUNA
Óleo s/ tela, 42cm x 29cm
Acervo Valber Benevides

O Valber Benevides é um artista visual completo, capaz de se expressar criativamente utilizando qualquer técnica. Tudo o que se mete a fazer, ele faz bem, seja com aquarela, acrílica, óleo, giz de cera, grafite ou mesmo pintando diretamente com o tubo de tinta. 

 

Talvez pelos tantos anos que, dia após dia, passou fazendo charges, ilustrações e tirinhas de quadrinhos com ênfase em caricaturas para as páginas do jornal O POVO, ele tenha se notabilizado mais como caricaturista. Essa característica tornou-se mais marcante à medida que ele passou a criar caricaturas em três dimensões. 

 

Em seus primeiros trabalhos destacavam-se os tradicionais exageros da caricatura como crítica, mas na medida em que a deformação da realidade passou a ser lugar comum, ele trocou o argumento satírico por uma arte da graça voltada à prestação de tributos a personalidades das artes, da literatura e da política.

 

A combinação de charge, pintura e escultura assegurou ao Valber um espaço próprio na galeria dos grandes artistas brasileiros do humor. Mesmo tendo assumido uma postura de extroversão por meio da caricatura, ele seguiu com seu jeito recatado de ser, transitando fagueiro entre as múltiplas facetas artísticas da nossa vida cultural.

Flávio Paiva

VALBER E AS CHARGES

Técnica Mista, 30cm x 42cm
Acervo Valber Benevides

Durante anos Valber atuou como ilustrador e chargista em um dos principais jornais de Fortaleza. Aliando texto e imagem, suas charges são mais do que piadas gráficas permeadas de humor e ironia, são também formas muito eficientes de denunciar e criticar as mais diversas situações do cotidiano relacionadas a política e a sociedade do contexto em que foram criadas. Aqui podemos observar um artista atento ao seu contexto político e social, capaz de reconfigurar temas sérios da sociedade com humor e sagacidade.

Técnica Mista, 30cm x 22cm
Acervo Valber Benevides

Técnica Mista, 22cm x 27cm
Acervo Valber Benevides

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-16.jpg

Técnica Mista, 34cm x 25cm
Acervo Valber Benevides

Técnica Mista, 34cm x 25cm
Acervo Valber Benevides

Técnica Mista, 30cm x 42cm
Acervo Valber Benevides

VALBER E A ESCULTURA

Valber já fez em média 50 esculturas, um trabalho no qual também é bastante reconhecido e que  inclusive já lhe rendeu alguns prêmios. Suas esculturas trazem nomes da música brasileira, e também várias personalidades da literatura e de outras linguagens culturais

PATATIVA DO ASSARÉ
Escultura, 25cm x 17cm
Acervo Centro Cultural Banco do Nordeste | Imagem de Rodrigo Patrocínio

BISPO DO ROSÁRIO
Escultura, 56cm x 30cm
Acervo Centro Cultural Banco do Nordeste | Imagem de Rodrigo Patrocínio

Bispo do rosario.png
Ariano Suassuna 1.png

ARIANO SUASSUNA
Escultura, 54cm x 33cm
Acervo Centro Cultural Banco do Nordeste | Imagem de Rodrigo Patrocínio

RACHEL DE QUEIROZ
Escultura, 24cm x 19cm
Acervo Centro Cultural Banco do Nordeste | Imagem de Rodrigo Patrocínio

Raquel de Queiroz.png
Gonzagao.png

GONZAGÃO
Escultura, 46cm x 26cm
Acervo Centro Cultural Banco do Nordeste | Imagem de Rodrigo Patrocínio

AS VÁRIAS FACETAS

DE VALBER

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-58.jpg

Conhecido principalmente pelos seus trabalhos com charges e caricaturas, Valber é um universo de técnicas e possibilidades que está sempre em busca de novos temas e assuntos para suas obras. Começou pintando com tinta guache, depois aquarela, óleo e atualmente pinta com tinta acrílica. Iniciou com desenhos, logo após veio as caricaturas e esculturas que abrangem as modalidades figurativas, abstratas e caricaturais.

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-32.jpg

NATUREZA MORTA
Óleo s/ tela, 1,47m x 1,47m
Acervo Valber Benevides

MARTELO DAS BRUXAS
Óleo s/ tela, 1,17m x 0,8m
Acervo Valber Benevides

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-8.jpg

MARIO GOMES
Óleo s/ tela, 90cm x 70cm
Acervo Valber Benevides

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-26.jpg

AS LAVADEIRAS
Óleo s/ tela, 0,60m x 1m
Acervo Valber Benevides

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-29.jpg

lavadeira
Óleo s/ tela, 70cm x 50cm
Acervo Valber Benevides

RAIMUNDO CELA
Óleo s/ tela, 60cm x 50cm
Acervo Valber Benevides

EXPOSIÇÃO VALBER - GUILHERME SILVA-25.jpg

MEMÓRIAS
Óleo s/ tela, 1m x 1m
Acervo Valber Benevides

“Antes de conhecer pessoalmente o Valber Benevides, já sabia que ele era o autor do criativo do painel que estampava caricaturas de vários artistas da Música Popular Brasileira no saudoso Cais Bar, da Praia de Iracema.

Depois, tive a oportunidade de ficar mais perto do também chargista e ilustrador, quando fui trabalhar no O Povo, no qual ele também prestava seus serviços. Na redação, em parcerias principalmente com o jornalista Flávio Paiva, o qual era responsável por uma coluna cultural semanal, a Apóstrofo, tive acessos antes do público, de muitas pérolas do Valber Benevides.

Nessa época, o nosso artista plástico cearense começou a alçar vôos mais altos ganhando prêmios em salões de humor pelo Brasil afora. Além disso, acompanhei suas primeiras exposições também com caricaturas, charges e esculturas.

As caricaturas do Valber Benevides também estão exibidas em camisetas, as quais adquiri através dos tempos, com os artistas da música: Pixinguinha, Chico Buarque, Caetano Veloso, Gilberto Gil, The Beatles e Belchior.  

Mais recentemente, tive a honra de saber que o Valber Benevides, que sempre demonstrou o seu bom gosto musical, também é ouvinte da Rádio Universitária FM e especificamente do nosso programa “Brasileirinho”, no qual, antes da pandemia, quando os músicos sempre tocavam ao vivo, e o Valbinho, com chamam os mais íntimos, foi assistir lá no estúdio.

 

Valeu Valber Benevides! Saudações artísticas!”

Nelson Augusto

ENTREVISTA COM

O ARTISTA

FICHA TÉCNICA

Curadoria – Mairla Costa
Produção Executiva – Nefertith Andrade
Produção – Rodrigo Gadelha
Fotografia – Guilherme Silva
Montagem e Design – Yule Bernardo
Assessoria de Imprensa – Elidia Vidal
Gerencia Técnica – Alexandre Jereissati