top of page

Cineteatro recebe "Lua Nova Revivido - 25 Anos" de Evaristo Filho

Cantor e compositor Evaristo Filho faz show especial no Cineteatro São Luiz quarta, 6 de setembro, às 19h, celebrando 25 anos do disco "Lua Nova", marco da geração 90. Ingressos no Sympla e nas bilheterias


O Cineteatro São Luiz promove na quarta-feira, 6 de setembro, às 19h, pelo projeto "Dentro do Som", que reúne artistas e público no palco, o show "Lua Nova Revivido - 25 Anos", do cantor e compositor cearense Evaristo Filho.


Um dos mais destacados autores da cena musical cearense a partir dos anos 90, Evaristo Filho compôs clássicos da música de nosso Estado, como "Miragem" e "Canto sem eira nem beira", ambas parcerias com Edmar Gonçalves e canções premiadas em festivais e presentes no disco "Lua Nova", lançado em 1998 e um dos trabalhos mais marcantes da chamada "Geração 90" da música do Ceará.


Os ingressos para o show do dia 6 de setembro já podem ser adquiridos nas bilheterias do Cineteatro São Luiz e no site Sympla: R$ 30,00 inteira e R$ 15,00 meia. Na apresentação, o artista estará ao lado de Robson Gomes (teclado e acordeom), Alan Kardec (violão, bandolim e guitarra), Rogério Franco (violão) e Paulinho Santos (bateria).


Evaristo Filho lançou diversos álbuns autorais e gravou um DVD ao vivo no Teatro Via Sul, em Fortaleza, contando com diversos convidados, como Edinho Vilas Boas, Eugênio Leandro e o grupo Vocal Cinco em Ponto. "Lua Nova" foi o primeiro CD, um trabalho coletivo, reunindo vários intérpretes, instrumentistas e convidados especiais.


Agora, o artista apresenta o show "Lua Nova Revivido - 25 Anos", celebrando o disco que marcou época a partir de Fortaleza, incluindo a canção-título, parceria de Evaristo e Edvando Menestrel, a pioneira música daquela geração a tocar nas rádios comerciais, na voz de Davi Duarte, com arranjo de mestre Aroldo Araújo e arranjo vocal de França, além dos saudosos Tarcísio Sardinha (violão) e Luizinho Duarte (bateria), do teclado de Zé do Norte, dos vocais de França e Jaqueline e da percussão de Evilázio Bilas. Uma bossa fazendo sucesso no rádio, em Fortaleza, e antecipando a chegada de compositores como Kátia Freitas, Edmar Gonçalves, Paulo Façanha, entre outros, às rádios comerciais, ainda hoje um desafio na cena cearense.


"Em uma noite de lua cheia, eu estava namorando no Bar do Zé Pinto. Na verdade, era o quintal do famoso artista plástico, que ele transformava em bar para os amigos. Apaixonado e louco pra dar um presente pra namorada, ofereci a Lua, e ela aceitou. Escrevi a letra em um guardanapo. No outro dia fui à casa do Edvando, sabendo que resultaria numa bela canção", conta Evaristo, sobre a faixa-título do álbum que contou ainda com participações como as da saudosa cantora Ana Fonteles e as de Cristiano Pinho na guitarra e de Evilázio Bilas na percussão.


Além de "Lua nova", o álbum traz outras parceiras de Evaristo e Edvando Menestrel ("O brilho do cantor" e "Lira dos desenganos", na voz de Edvando; "Da realidade eu sou o sonho", interpretada por Chico Pessoa. Evaristo e Edmar Gonçalves assinam "Canto sem eira nem beira", premiada no Festival Canta Nordeste, e "Boi da noite", ambas presentes no CD "Lua nova", na voz de Edmar.


De Evaristo e Edson Freitas o disco traz "Meu pai", a única cantada pelo próprio Evaristo Filho. Téti se faz presente em "Zé", de Evaristo e Mano Alencar. E Evaristo assina sozinho, música e letra, três canções: "Perfil", interpretada por Edvando Menestrel, "Desconexo", com vozes de Ana Fonteles e Ricardo Black, e "Retrato em alto relevo", registrada na interpretação de Rogério Franco.

Limitada a 80 lugares, pelas características do projeto "Dentro do Som", concebido para o Cineteatro São Luiz pelo produtor cultural e compositor Dalwton Moura, a apresentação promete um clima de intimismo e de diálogo direto dos músicos com os espectadores. Tudo enriquecido pela belíssima iluminação e pelo cenário sem igual da decoração artística e das cadeiras vermelhas do Cineteatro São Luiz, que passam de lugar da plateia a fundo-palco. Todos vivenciando a emoção do show de bem perto. Dentro do som.


<< SERVIÇO >>


[DENTRO DO SOM] "Lua Nova Revivido - 25 Anos", de Evaristo Filho

Data: 6 de setembro de 2023 | Horário: 19h | Classificação indicativa: Livre

Local: Cineteatro São Luiz (Sobre o palco - 70 lugares) - R. Major Facundo, 500, Centro

Ingressos: R$ 30,00 inteira, R$ 15,00 meia

Horário de funcionamento da bilheteria: Terça a Sexta - 9h30 às 18h / Sábado – 9h30 às 17h. Horários sujeitos a alterações, de acordo com a programação. Telefone para contato: (85) 3252.4138



bottom of page